WhatsApp Image 2021-03-16 at 17.13.38 (1

DE LEITORA À MEDIADORA

A Sala de Leitura foi me levando cada vez mais longe! Descobri que poderia ganhar o mundo! E assim comecei a mediar leitura no Hospital Municipal Jesus, junto às crianças internadas, onde trabalhei como voluntária por mais de 15 anos no projeto BIBLIOTECA VIVA EM HOSPITAIS. Tempo doado e revertido em muitas experiências salpicadas de alegrias, risos e lágrimas.

DE MEDIADORA AO UNIVERSO DAS OFICINAS LITERÁRIAS

Passeei por diversos autores levando o encantamento de seus textos e poemas para um público variado: desde crianças a adultos, em escolas públicas e particulares, abrigos, na Universidade da 3ª Idade da UERJ e em várias unidades do SESC.

Do 1º  VERSO ao 1º  LIVRO de POESIAS

 Assim, numa Sala de Leitura,  trabalhando cercada de livros de LIJ e de crianças, comecei meus primeiros versos! Na verdade acredito que a poesia sempre esteve dentro de mim desde quando meu avô me apresentou as cantigas de rodas, desde quando menina ouvi emocionada  os poemas: “História d,um Cão” de Luis Guimarães e “Plutão” de Olavo Bilac, desde quando me descobri apaixonada pela palavra e pela sua musicalidade nascida de sua dança onde o poema é o seu palco.Tive meu 1º livro  publicado aos 50 anos e daí não parei mais! Até agora tenho 15 livros publicados sendo que três deles foram selecionados pela FNLIJ para representar o Brasil na Feira de Bolonha. Gosto de mato, de mar, de gente. Gosto de nadar entre versos, mergulhar na infância e me afogar de natureza. Uma das minhas alegrias é rimar vida com poesia!